Postagens

Murdock - Entre Tigres e Lobos

Imagem
  No final de 2020 o pessoal do MURDOCK apareceu em nosso espaço e fizemos um Short Review do single “ Porcos ”, excelente material carregado de peso e muita energia. Este quarteto de Santa Catarina agora retorna à cena com seu mais novo trabalho. “Entre Tigres e Lobos” é um EP com 6 ótimas composições e que traz como característica principal o peso de um Stoner Rock muito bem executado. Estamos falando de um grupo que é novo, pois surgiu em 2019. E o que é interessante aqui é que, além de novatos, eles mostram muita habilidade, competência e também um ritmo de produção de composições que é bastante satisfatório. Isso é importante demais, pois movimenta a cena da música underground e independente. Os fãs agradecem. “Irônico Maldito”, faixa que foi anteriormente lançada em single, abre este trabalho. Não poderiam escolher melhor composição para abertura. Música lenta, pesadona, riffs precisos, ótimo solo e letra bem feita. Na sequência temos a música “Ser”, composição que traz um an

Causa - Onde Quer Chegar?

Imagem
  Grupo de Hardcore da baixada santista e que iniciou as atividades em 2016. Passaram por uma pausa em 2018, retornaram em 2019 com uma nova formação e com uma proposta sonora que sofre influência de grupos como MADBALL, NITROMINDS e HATEBREED. Além disso as letras tratam do cotidiano, possuem um viés crítico e proporcionam reflexão para o ouvinte. Em abril de 2021 e contemplados pela Lei Aldir Blanc, o trio lançou “Onde Quer Chegar?”, o primeiro EP. O trampo traz 5 excelentes composições cantadas em português e o ouvinte irá encontrar músicas rápidas, agressivas, pesadas e com uma pegada cheia de energia. É altamente recomendável aos amantes de sons extremos e apreciadores de estilos como Thrash Metal e Crossover. E de tudo isso que aqui mencionamos, sabe o que mais nos impressiona? Estamos falando do PRIMEIRO trabalho. Uau! Se a estreia já apresenta esse impacto todo, imagina quando lançarem outros materiais. Irão surpreender. E muito. Isso é um fato. E é curioso e pertinente men

Macacos da Manchúria - Sangue e Poeira

Imagem
  O MACACOS DA MANCHÚRIA aparece novamente aqui em nosso espaço e marca este retorno com grande estilo. Após o lançamento de “ Toras ”, o primeiro registro, o Duo formado por Alexandre Paloschi (Vocais/Guitarra/Programação) e Henrique Paloschi (baixo) traz uma sonoridade que está mais pesada do que antes. Continuam executando um Death/Doom com riffs bem pesados, lentos e soturnos. “Sangue e Poeira” é um trabalho incrível e que vem carregado de força e energia. Estamos diante de um grupo que tem uma música muito densa e que é bastante voltada aos amantes do gênero. Além dos riffs excelentes, o ouvinte irá também encontrar vocalizações robustas, baixo e bateria pesados e bem marcantes. Surpreenderam muito neste trabalho e a estratégia de lançamento de singles é muito eficaz. Continuem! – Nota: 9 Faixas: 1. Sangue e Poeira Facebook Bandcamp

Evening Star - The Hand of Evil

Imagem
  Dá um orgulho muito grande cada vez que ouço uma banda nacional que muito bem nos representa. Esse é o caso do EVENING STAR, trio de Salvador que faz um Heavy Metal potente e influenciado pela sonoridade dos anos 80. Caramba! Que som grandioso esses meninos executam. O grupo foi formado em 2017 e traz os seguintes integrantes: Danilo Brandão (guitarra e voz), Cezar Araújo (bateria) e Leonardo Reis (baixo). Lançaram o EP “Mask of Lies” em 2018 e em 2020 voltaram com o “The Hand of Evil”, material que contém 4 ótimas composições. Bebem na fonte de bandas como JUDAS PRIEST, ACCEPT, SAXON, MAIDEN e similares e conseguem, de fato, fazer um trabalho lindo e muito eficaz. A cozinha instrumental é muito boa e os destaques são os riffs afiadíssimos e solos muito bem feitos. Claro que não podemos deixar de comentar sobre as linhas de voz: robustas e técnicas. É uma obra bastante interessante. Apreciadores do Metal dos anos 80 vão se deliciar com a proposta. Que venham novos materiais. Não pare

Brainscanner - Moebius

Imagem
  Vejam só quem está aparecendo novamente aqui em nossas páginas. Isso mesmo, o BRAINSCANNER , Duo que faz um Stoner bem feito, pesadão e que lança o primeiro Single de 2021. “Moebius” é uma composição instrumental curtinha e poderosa e segue, no que diz respeito ao formato, uma linha mais ou menos semelhante ao que fizeram em “ Triceratops ”, o single anterior. Aqui, além de Ricardo Siqueira (Rhythm and Bass Guitars) e Alexandre Dantas (Lead Guitar and Keyboards), há a presença de Helder Tiso nas baquetas. Notamos que eles estão apostando em músicas curtas e instrumentais e o resultado final é absolutamente satisfatório. O trabalho da guitarra é bem eficiente e traz riffs pesados que são quebrados por uma atmosfera lenta e ligeiramente melancólica com a entrada dos teclados que aparecem e dominam o meio da música até o fim. É simples e GENIAL. Certamente este é o segredo de soar de maneira tão eficaz. – Nota: 10 Faixas: 1. Moebius Facebook Bandcamp