Postagens

Mostrando postagens de 2020

Vulture - The End of Agony

Imagem
  Formado em 1995 na cidade de Itapetininga, interior de SP, o VULTURE pratica um Death Metal que segue a fórmula do estilo com brilhantismo. É veloz, pesado, extremo, agressivo e ainda apresenta doses de melodia em diversas passagens. É inegável a técnica e criatividade dos músicos e o resultado deste último trabalho comprova o que afirmamos na prática. "The End of Agony” é o quinto Full do grupo e traz 12 composições vigorosas. Lançado pela Mutilation Productions e apresentando uma qualidade de gravação bastante satisfatória, o álbum pode ser considerado um dos grandes destaques do Metal Extremo nacional. Quase uma hora de música intensa, violenta e brutal e que irá, sem sombra de dúvidas, despertar o interesse dos fãs do gênero. A cozinha instrumental é bastante eficaz, mas o maior destaque são os riffs e solos de guitarra aliados a uma bateria brutal e bem rápida. É isso que, de forma geral, conduz a musicalidade de maneira bastante eficaz e torna o trampo grandioso. As co

Murdock - Porcos

Imagem
  Com letra em português, um som pesadão, forte e carregado da energia dos anos 70, assim o MURDOCK lança o seu mais novo material. “Porcos” é um Single que antecede ao novo álbum e faz isso em grande estilo. A começar pela capa que é um tanto quanto impactante. O grupo é formado em 2019 na cidade de Tijucas/SC e pratica um Stoner Rock cheio de vigor. Esse ano eles já lançaram o Single “Olhos Sinistros” e um ao vivo chamado “Live in the Void”. Tendo BLACK SABBATH como maior influência, o quarteto vem se destacando no cenário Underground e com justa razão. O novo trampo traz, além do que já mencionamos, riffs bem feitos, um solo de guitarra bem bacana e letras recheadas de protesto e críticas. A formação atual é: Guilherme Sezoski (guitarra/voz), Pholl Gregório (baixo), Guilherme Franco (bateria) e Rafael Rau (guitarra). Amantes do gênero devem ficar atentos e conferir. Satisfação garantida. Resta-nos aguardar o próximo trabalho. – Nota: 8 Faixas: 1. Porcos Facebook Instagram Bandcamp

Os Belos Cães Cantores - Pernas Fortes

Imagem
  Lembram-se daquela expressão que diz que o menos é mais? A fórmula usada pelo OS BELOS CÃES CANTORES se encaixa como uma luva para essa expressão. Trio de São Paulo formado em 2018 e que executa um Rock com uma pegada dos anos 70, esses rapazes conseguem criar algo que é contagiante e criativo tanto em termos musicais quanto líricos. “Pernas Fortes” é o primeiro Single do grupo e foi captado, mixado e masterizado no Estudio 2112 em parceria com os produtores Marco Fallador e Marcos Godói. Além da letra ótima, a composição de destaca com um instrumental forte, ritmo delicioso e vocal robusto. O line-up é: Rodrigo Adriano Machado (voz/guitarra), Pedro Cruz (backing vocal/contrabaixo) e Daniel Dantas (bateria). Ficaremos agora no aguardo do EP que, pelo que parece, em breve estará disponível. Amantes do Rock, mergulhem no som deste trio. – Nota: 8 Faixas: 1. Pernas Fortes Facebook Instagram

Dangerous Times for the Dead - Dangerous Times for the Dead

Imagem
  Quinteto holandês que faz um Heavy Metal influenciado por bandas como JUDAS PRIEST, DIO e BLACK SABBATH. Esses rapazes acabaram de lançar o Single que leva o mesmo nome do grupo e que traz uma sonoridade pesada, com riffs de guitarra super afiados e que nos remetem aos tempos do Metal oitentista. Além dos riffs, são muito marcantes os solos e também as vocalizações que, em alguns momentos, me lembraram o vocal do AGENT STEEL com seus agudos potentes e rasgados. A composição é curta, rápida, muito bem feita e vai encher de alegria os fãs do Metal Tradicional da década de 80. Este público, OBRIGATORIAMENTE, deve ouvir essa pérola e acompanhar o trampo dessa galera. Tirem suas próprias conclusões. – Nota: 9 Faixas: 1. Dangerous Times for the Dead Facebook Instagram

Brainscanner - Triceratops

Imagem
  Dizem que tamanho não é documento. Este novo Single do BRAINSCANNER vem provar que o velho ditado é, de fato, verdadeiro. Após o lançamento do ótimo “ Secret Transmissions ”, o Duo formado por Ricardo Siqueira (vocais/guitarra) e Alexandre Dantas (bateria/sintetizadores) reaparece com “Triceratops”, uma música instrumental bem curtinha e imensamente forte e PESADA. Os rapazes acertaram em cheio, pois aqui já dá para sentir um ar do que será o Full. Sinceramente, se seguir essa linha, vai ser SENSACIONAL. Continuam com aquele Stoner cheio de peso e com guitarras repletas de riffs poderosos. De presente temos um vídeo oficial com imagens do filme “The Ghost of Slumber Mountain” (1918). A capa do Single é também muito marcante e reflete a brutalidade do som. Que lancem logo o Full. Aguardamos ansiosamente. – Nota: 10 Faixas: 1. Triceratops Facebook Bandcamp

Warshipper

Imagem
  Entrevista nova e cheia de peso para os apreciadores do Metal Extremo. Falamos, desta vez, com Renan Roveran, vocalista e guitarrista do WARSHIPPER, quarteto de Death Metal que faz um som vigoroso e que muito bem representa o nosso cenário. Nessa breve conversa, Renan trouxe diversos assuntos para nós: começo do grupo, influências musicais, formação, impacto do novo álbum, cenário Underground e uma série de outros detalhes.   Confiram a nossa entrevista e apoiem o nosso Underground. Demais detalhes também podem ser obtidos no Facebook oficial do grupo.   Apreciem, divulguem e prestigiem!   A banda começou em 2011, correto? Como foi o início de tudo e de onde veio o nome do grupo?   Renan: Saudações a toda a equipe do VIOLENT NOISE e seus seguidores. Espero que estejam todos bem! Excelente poder falar sobre o WARSHIPPER para vocês. O grupo iniciou suas atividades em 2011, quando eu ainda tocava também em outra banda chamada BYWAR, e resolvi montar um então “projeto” com meus amigos d

Ankhalimah - I

Imagem
  Banda de Niterói/Rio de Janeiro que faz um Power Metal Sinfônico cheio de técnica e vigor. O grupo foi formado em 2007 e, infelizmente, gravou somente um álbum que foi lançado em 2013. “I” é um trabalho impecável e traz fortes riffs de guitarra, muito peso, melodia, linhas vocais robustas e canções cheias de emoção. É um trampo que chama a atenção de quem curte Metal bem feito e bem trabalhado. Composições como “Ankhalimah”, “Two Edged”, “For Our Best” (solo de guitarra maravilhoso) e “Vampire” são pontos de evidência e destaque no trabalho. Uma pena um grupo com um potencial gigantesco demorar tanto a lançar um material e não fazer mais nada após a obra de estreia. Não parem, pois vocês enriquecem a cena da música pesada independente.  Amantes do Metal Sinfônico e do Heavy Metal tradicional irão degustar o álbum com muito prazer. – Nota: 9   Faixas: 1. Ankhalimah 2. Radiant 3. Two Edged 4. Edge ofMadness 5. For Our Best 6. Magnetic 7. Nell Mezzo Del Camin 8. Prison of Vices 9. V

Tuli - Hehku

Imagem
  O Underground é sempre um presente para nós, amantes do Rock e dos sons pesados e obscuros. Dessa vez estamos falando do TULI, uma One Man Band da Rússia que acaba de lançar “Hehku”, o primeiro trampo.  Trata-se de um Atmospheric Black Metal recheado de passagens acústicas e ligeiramente melancólicas. Este material foi lançado no começo de setembro de 2020 e traz somente duas composições. Nada que você já não tenha ouvido, MAS o trampo aqui tem garra e vontade. “Hehku” é uma introdução maravilhosa e chegou a me lembrar, de leve, aquelas intros acústicas do FUNERAL na época do “Tragedies”, mas sem ser profundamente depressiva. “Kuu” é rápida e com um instrumental um pouco embolado logo no início e há muitas passagens climáticas e atmosféricas. O resultado final é muito satisfatório. Amantes do Black Metal e dos sons com toques de melancolia irão apreciar. – Nota: 9   Faixas:   1. Hehku 2. Kuu   Facebook Bandcamp

Sörceress - Maybellene

Imagem
  Quarteto da Colômbia que faz um Heavy Metal cheio de vigor, energia e com muita influência dos anos 80. Eles já lançaram uma Demo, um Full e agora ressurgem com “Maybellene”, excelente Single que conta com duas composições. A qualidade da gravação é muito boa e as músicas são verdadeiros hinos do Metal tradicional. A cozinha instrumental é muito, mas muito bem entrosada e os destaques aqui são os riffs, solos belíssimos e as vocalizações de Leder Killer, que também assume uma das guitarras. A faixa título é, na realidade, um tributo a CHUCK BERRY. Amantes do Metal devem conferir este material URGENTEMENTE. Feito para quem ama o estilo. – Nota: 10   Faixas:   1. Maybellene 2. Far Away   Facebook Bandcamp

The Unbroken - Human Crown

Imagem
  Este quarteto americano faz uma excelente estreia com o EP “Human Crown”, um material bem gravado e produzido e que nos traz 5 excelentes composições. Trata-se de um grupo de Metal com influências de bandas como METALLICA, PANTERA e SKLIPKNOT, ou seja, uma fusão entre um Thrash Metal e um Metal com toques mais modernos e alternativos. Importante dizer que a sonoridade, de forma geral, ficou SENSACIONAL. A cozinha instrumental é bem entrosada e os destaques ficam por conta dos solos cheios de melodia. “Suffering in Silence”, “Human Crown” e a furiosa e pesada “I Never Forget” são os pontos mais altos e fortes deste trampo. A banda é formada por: Chester (vocal/guitarra), Mark (guitarra), Jeff (baixo) e Tamas (bateria). Fiquem de olho neles, pois têm jeito de serem altamente promissores. Escutem a obra. Digna e muito bem feita. – Nota: 9   Faixas:   1. Stuck in Your Way 2. Suffering in Silence 3. Human Crown 4. I Never Forget 5. Nothing Left to Sell   Site Oficial Facebook

Sepulchral Voice

Imagem
Trouxemos uma entrevista bastante especial para os amantes do Metal Extremo nacional. Falamos com  Pepê  Salomão, baixista do SEPULCHRAL VOICE, grupo mineiro de Death/Thrash Metal. Em nossa conversa,  Pepê  nos falou a respeito da formação da banda, interrupção das atividades, influências musicais, lançamento do primeiro Full e diversos outros detalhes.    Confiram a entrevista e apoiem o nosso Underground. Demais detalhes também podem ser obtidos no Facebook oficial do grupo.    Apreciem, divulguem e prestigiem!   O grupo iniciou suas atividades em 87. Como foi o começo de tudo e de onde veio a   inspiração para o nome?   Pepê  Salomão:  Tudo começou com o Luiz  Sepulchral  e o 1° vocalista, o  Rossano . Eles tiveram a ideia de formar uma banda e me perguntaram se eu tinha interesse em tocar também. De imediato aceitei o convite, mas deixando bem claro que não sabia tocar e o Luiz se prontificou a me ensinar os primeiros acordes. No começo era bem precário, os ensa

Bogwolf - A Sermon Unto Wolves

Imagem
Com um logotipo indecifrável e uma capa obscura e enigmática, assim se dá a estreia do BOGWOLF com sua primeira demo no mercado da música pesada. “A Sermon Unto Wolves” possui 3 composições pesadas e muito bem executadas. O quinteto americano pratica um Blackened Death Metal cheio de fúria e com doses de melodia que se misturam a uma sonoridade intensa e extrema. Não é um som inédito, mas é interessante e vale ser conferido. Destaques para “The Culling”, uma abertura instrumental com toques épicos, e para a faixa título que é agressiva e rápida. Fãs do gênero irão gostar bastante da obra e do grupo. – Nota: 8 Faixas: 1. The Culling 2. A Sermon Unto Wolves 3. God Damned American Facebook Bandcamp

Bad BeBop - Backbone

Imagem
Já repararam que Power Trio, em geral, nunca decepciona. E no caso do BAD BEBOP não é diferente. Esses rapazes de Curitiba estão prestes a lançar o álbum “Starting Riots” pela Abraxas Records, mas antes apareceram com o single “Backbone”, música curtinha e cheia de força e vigor. Na ativa desde 2015 e com um álbum já lançado, aqui eles nos apresentam um Metal com bastante peso, riffs de guitarra afiados, ótima vocalização e um refrão delicioso e grudento no melhor sentido da palavra. É uma grata surpresa e já nos deixa imaginar o quanto o material que está por vir deve ser competente e agradável. A formação é: Henrique Bertol (guitarra), Celso Costa (bateria) e Juliano Ribeiro (baixo e vocal). EXTREMAMENTE RECOMENDÁVEL. – Nota: 9 Faixas: 1. Backbone Facebook Instagram